Arte pela inclusão celebra mês da pessoa com deficiência no Paço

Conviver em condições de igualdade na sociedade e ter a oportunidade de mostrar suas habilidades e autonomia na vida e no trabalho são os maiores desejos de inclusão social das pessoas com deficiência. Ser diferente, não impede ninguém de fazer a diferença e, no mês em que se comemora o Dia Nacional da Pessoa com Deficiência, o Projeto Encontro, coordenado pela educadora Margareth Zimmerle, realiza em parceria com o Shopping Paço Alfândega, o evento Arte Pela Inclusão. A iniciativa, aberta ao público, acontece no centro de compras, nesta quinta-feira (29), das 10h às 22h e conta com ampla programação que contempla várias formas de manifestações artísticas, além de incentivar a solidariedade. No evento serão arrecadados alimentos para a ONG Partilhar, coordenada por Clécia Marinho, e que participa da ação expondo seus produtos de artesanato.

 

O térreo do Shopping, no Recife Antigo, vai se transformar num espaço inclusivo e multicultural. O local, além de abrigar artesanato e exposições de arte visual e fotografia, servirá de palco para peça de teatro, palestra, lançamentos de livros e apresentações musicais e culturais protagonizadas ou com a participação ativa de pessoas com múltiplas deficiências. Os fotógrafos Bruno Ribeiro e Lucas Evaristo estarão expondo suas fotografias e Diego Rocha, além das fotos, apresentará trabalhos em artes visuais. A artesã e cantora Karina Lisboa expõe suas pinturas em cerâmica, Nina Sousa, em artesanato e Milena Pinho, suas telas e peças de artesanato.

 

A partir das 17h, os autores e integrantes do Projeto Encontro  Marcela Sette e Gabriel Barbosa Saboya estarão lançando, respectivamente, suas obras Canção de Oscar e Sonho e Coragem. No local, além da tarde de autógrafos com os escritores, haverá roda de debate sobre as obras com a educadora Margareth Zimmerle e o editor de livros Tarcísio Pereira.O advogado Rodrigo Almeida ministra, às 19h, palestra sobre o Direito da Pessoa com Deficiência e, a partir das 19h20, Francisco Danilo e Beatriz Machado encenam um trecho de Romeu e Julieta, com texto do escritor paraibano Ariano Suassuna.

 

A bióloga e dançarina Luana Perrusi, conhecida como Luana, A Rara, apresenta junto com a terapeuta ocupacional Renata Tarub,  um número inédito de dança do ventre, a partir das 19h30.  Luana é a coordenadora do Site Somos todos Raros e possui dificuldade motora do lado esquerdo além de sofrer da Síndrome do Sobressalto, onde é acometida de quedas repentinas mediante estímulos táteis, visuais e sonoros.  Dando continuidade as apresentações, o dançarino de frevo com síndrome de Down, Caio Rocha, integrante do Projeto Encontro, apresenta suas habilidades com esse ritmo genuinamente pernambucano. Luana volta ao palco numa performance solo onde, além de dançar, explica a sua síndrome. Amanda Lima, a primeira bailarina com síndrome de Down a se equilibrar numa sapatilha de ponta, dança ballet devidamente caracterizada do pássaro Assum Preto, música do mestre Luiz Gonzaga, que será cantada por Karina Lisboa durante a sua apresentação.

 

A partir das 20h o maestro, músico e compositor Geno Melo comanda o grupo musical do Projeto Encontro que canta e toca vários instrumentos. Às 20h30, encerrando a programação, haverá um encontro apoteótico do Bloco Lírico Cordas & Retalhos, comandado por Júlio Vila Nova e dos alunos de musicalização do Projeto Encontro, orientados pela professora do Conservatório Pernambucano de Música, Conceição Rocha.  De acordo com Margareth Zimmerle, todos irão se juntar numa celebração verdadeiramente inclusiva, desmistificando os conceitos prévios de que a deficiência é limitadora. “O que paralisa é a falta de oportunidade. Iremos ratificar o lema do Projeto Encontro que é: Sou diferente e faço a diferença”, salienta. Que possamos ampliar nossa visão. Abaixo o preconceito, todos nós somos capazes!

 

SERVIÇO:

 

Arte pela Inclusão

Quando: Nesta quinta-feira(29), das 10h às 22h

Onde: Shopping Paço Alfândega, rua Alfândega, 35.

A entrada franca mas no local estarão sendo arrecadados alimentos para a ONG Partilhar.